20/05/2008, Quarta-feira
Governo do Ceará
Acesso a Informação

Telefones úteis

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto

Enem 2018: escolas dão dicas finais aos alunos visando ao bom desempenho nas provas

Tia Fofinha apresenta aula de redação de forma divertida

Nos momentos que antecedem um grande desafio, manter a concentração é fundamental. Em se tratando do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a regra é bastante válida. Afinal, representa a possibilidade de uma mudança significativa no contexto pessoal, com a concretização de um projeto de vida, a transformação de um sonho em realidade. Justamente por isso, a tensão e a ansiedade estão sujeitas a aparecer e a influenciar de forma negativa a preparação de quem se dedicou durante três anos para assimilar conhecimentos em diversas áreas. As provas serão realizadas nos próximos dias 4 e 11 de novembro.

Tendo em vista estes fatores, e acreditando no potencial de cada estudante da rede pública estadual de ensino, a Secretaria da Educação do Ceará (Seduc) reforça as orientações aos jovens da 3ª série do ensino médio, durante esta semana, no intuito de que se sintam amparados e confiantes para seguir em busca do ingresso na universidade. A ação ocorre em todas as unidades de ensino da rede, a exemplo da Escola de Ensino Médio em Tempo Integral (EEMTI) Jenny Gomes, de Fortaleza, que elaborou programação especial nesta quinta-feira (1º).

O “JG Rumo à Universidade”, como foi denominada a iniciativa, tem o objetivo de incrementar a preparação dos alunos para as provas, utilizando metodologia dinâmica e interativa. Foram organizadas aulas de redação, matemática e atualidades, além de palestras motivacionais e apresentações culturais. Este é o sexto ano consecutivo em que a escola promove um evento com esta característica. O secretário da Educação, Rogers Mendes, participou da abertura das atividades.

Rogers defende que os jovens apostem nas próprias capacidades e compareçam nos dois dias de provas. “Infelizmente o Brasil ainda não oferece vagas na universidade para todos que concluem o Ensino Médio. Mas, todos têm que sair desta etapa de ensino com a convicção de que são capazes de conseguir o que querem. Não podemos desistir dos nossos sonhos”, enfatiza, lembrando que a Seduc apoia as escolas com uma série de atividades extracurriculares, no sentido de intensificar a preparação. “Estamos proporcionando aos alunos, também, todo o suporte para poderem acessar os locais de prova, facilitando a logística tanto no interior, como na capital”, explica o gestor.

 

Orquestra do Colégio Piamarta abriu o evento

Ciclo de estudos

O “JG Rumo à Universidade” marca a conclusão do Projeto Pedra de Roseta, que teve início na escola no ano de 2013. Pela proposta, quem tem mais conhecimento em determinada disciplina, auxilia a quem sabe menos, perfazendo um ciclo que se estende ao longo dos três anos do ensino médio. Tendo como base a aprendizagem cooperativa, os jovens trocam ideias, estudam em grupos e, assim, todos aprendem mais.

TalitaSoaresTalita Soares, de 17 anos, está inscrita no Exame e pretende cursar Matemática na universidade. “É uma área em que eu sempre me dei muito bem, acho que tenho aptidão para isso”, revela. De acordo com a jovem, o evento desta quinta auxiliou-a a esclarecer algumas dúvidas. “Pontos que não conseguimos assimilar ao longo do ano são trabalhados novamente agora, o que ajuda bastante. Mesmo para o aluno mais dedicado, não é fácil passar o dia inteiro na escola, estudando da hora em que chega até a hora em que sai. Por isso, também é preciso ter momentos de descontração, como o de hoje, para aumentar o ânimo e recuperar as energias”, avalia.


Kauan SilvaKauan Silva, de 18 anos, tem o desejo de cursar Administração e, na sequência, graduar-se em História. “Tenho identificação com as duas áreas, mas, vou priorizar a Administração porque me chama a atenção o fato de trabalhar com a economia, com a gestão de empresas”, projeta. Sobre a programação realizada na escola durante o último dia de aulas antes da primeira jornada de provas do Enem, Kauan ressalta que “as dicas foram bem importantes para nos atentarmos aos detalhes, além de ser uma oportunidade de tirar um pouco da tensão”, pela forma descontraída como o conteúdo foi apresentado.


Ingresso

O índice de aprovação dos alunos da Escola Jenny Gomes no Ensino Superior, incluindo universidades públicas e privadas, saltou de 132, em 2016, para 151 em 2017, de um total de 199 inscritos naquele ano, representando o ingresso de 75,9% dos alunos neste nível de ensino. Em 2018, a taxa de inscrição se manteve em 100%, pelo quinto ano consecutivo. No ano passado, todos os inscritos compareceram às provas.

Na visão do diretor da unidade de ensino, Marcos Bezerra, a motivação é fator fundamental para o sucesso no objetivo. “Muitos alunos da escola pública ainda esbarram na falta de autoconfiança. Para reverter este processo, desenvolvemos o projeto Pedra de Roseta, com uma série de atividades voltadas à preparação, para estimular o estudante a, efetivamente, comparecer nos dois dias de avaliação. É preciso ter tranquilidade e autoconfiança para, então, conseguir colocar os conhecimentos na prova”, destaca Marcos.

O Pedra de Roseta integra o Projeto Enem Chego Junto, Chego Bem, nesta escola, que como as demais da rede estadual, tem autonomia para elaborar atividades diferenciadas para os seus estudantes. Desenvolvido pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Educação (Seduc), o Enem Chego Junto, Chego Bem tem como finalidade mobilizar e preparar os estudantes da rede pública estadual para fazer o Exame com segurança e perspectiva de ingresso no ensino superior. O projeto começa no início do ano e só termina após o Exame, garantindo às escolas, até os dias das provas, palestras motivacionais, aulas de produção textual, fascículos e corretores de redação, no intuito de melhorar o desempenho dos estudantes.


Caravana Enem

Ao longo desta semana, até quinta-feira (1º), a Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza (Sefor) percorre unidades de ensino da capital com a “Caravana Enem 2018”. A ação, que ocorre  em parceria com as escolas, visa fortalecer a preparação e a motivação dos estudantes para os dias das provas do Exame. Na oportunidade, são feitos lembretes aos jovens do que é permitido, ou não, levar aos locais de prova, além dos documentos necessários. Também são esclarecidas dúvidas referentes ao Exame, ao SiSU, ao Programa Universidade para Todos (Prouni), ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), ao Programa Educa Mais Brasil e, ainda, sobre a Certificação do Ensino Médio. Ao todo, foram inscritos 107.188 alunos da rede estadual no Enem 2018.


 

 

01.11.2018

Bruno Mota

Assessoria de Comunicação da Seduc

Calendário

Novembro 2018
D S T Q Q S S
28 29 30 31 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 1

SEDUC - Secretaria da Educação do Ceará - Av. Gen. Afonso Albuquerque lima, s/n - Cambeba - Fortaleza - Ceará | CEP: 60.822-325

Ver localização no mapa © 2008 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados